sábado, 12 de março de 2011

Partiste...



Estou indo de ti,
nas novas mãos
que te acariciam o rosto,
a barba desgrenhada.
Estou indo,
a cada enroscar desses
outros dedos nos anéis dos teus cabelos..
Estou indo
quando essa nova face encosta na tua...
Estou indo de ti
no tom dessa voz
que não é a minha.
indo lentamente
quando te veste nesse outro corpo
que não é o meu..
e se despe do meu corpo
que só veste o teu..
Estou indo
Pra algum lugar que
não sei onde...
Mas que importa?
Estou indo..
Para um ponto qualquer no infinito..
E se ficou algo de mim em você
me perdõe..

Sandra Freitas



[....]

Deixaste
o teu rasto
cheio de Luz,
amor sorridente,
palavras meigas!

Deixaste
muito amor.
que eu abraço,
sentindo o teu corpo,
a tua alma,
a tua presença.

Partiste
com a esperança
de nos vermos,
nos abraçarmos,
nos beijarmos
e nos amarmos,
Loucamente…

Voltarás
e serás o sol da minha vida.

Até amanhã, meu amor!

José Manuel Brazão

1 comentário:

  1. Olá adorei teu blog, lindo mesmo. Parabéns. Fique a vontade para fazer uma visitinha ao nosso “Alto-falante” e seja mais um membro. Você é nosso convidado especial. http://poetarenatodouglas.blogspot.com/.
    Um grande abraço!

    Renato Douglas!

    ResponderEliminar